Espirometria ou Prova de Função Pulmonar

Espirometria ou Prova de Função Pulmonar

Através deste exame, é possível aferir o fluxo de ar e a presença de obstruções nas vias respiratórias ou brônquios, além de avaliar se os volumes dos pulmões estão normais.
Trata-se de uma avaliação eficaz, rápida e simples, que consiste na realização de uma sequência de inspirações e expirações, com o auxílio de um espirômetro.
É indicado para detectar doenças pulmonares, rastreamento de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) em tabagistas, avaliação clínica de sinais e sintomas, como dispnéia, tosse crônica, sibilância, expectoração, ortopnéia de origem não-cardíaca, alterações na ausculta pulmonar, anormalidades torácicas, alterações em raios-X de tórax e alterações crônicas da troca gasosa.
É contraindicado para pessoas que sofreram infarto do miocárdio há menos de 30 dias, edema agudo de pulmão e angina recentes, como, hemoptise (tosse com sangue) e infecções respiratórias (gripe, pneumonia e suspeita de tuberculose) atuais.
Neste caso, deve-se aguardar até a liberação médica para realizar o exame.

No dia do exame:

- Fazer refeições leves
- Não ingerir chá ou café preto
- Não realizar inalação, bombinhas e/ou medicamentos aspirativos para o pulmão
- Poderá tomar os medicamentos de costume (pressão, coração, etc.)
- Não fumar por pelo menos 2 horas antes do exame
- Não ingerir bebidas alcoólicas
- Trazer as últimas receitas médicas

Receba nossos
Informativos

*Não enviamos SPAM!